Quem foi que disse que você precisa controlar tudo

Sempre procuramos entender o que se passa, ao nosso redor, e nos deparamos com situação que temos:

  • que controlar ansiedade;
  • controlar a depressão;
  • controlar o orgulho;
  • controlar o medo;
  • controlar o que pensa;
  • controlar o horário;
  • o que não pensar;
  • controlar o alimento;
  • controlar a bebida;
  • controlar as amizades;
  • controlar os filhos;
  • controlar a família;
  • controlar os outros;

…se colocarmos tudo sobre o nosso controle, ficamos egoístas; nos tornamos controladores.

Controlando deixamos de fazer parte da constante do universo. Deixamos de ser um poema no único verso (universo).

Será que realmente é necessário estar no controle de tudo?

Devemos ser controladores?

#ParePraPensar como controlar tudo?

Se formos controladores, teremos um problema: teremos que mediar o nosso controle, para não ser controlador!

“Procure, realmente, entender o que se passa ao seu redor!”

Existe um caminho mais simples

— Viva o momento presente.

Se você estiver no momento presente;
se você estiver estiver colocando atenção plena no que faz;
se você estiver respirando da maneira correta;
O controle é dispensável.
Não seja controlador, porque o caos é que impera no universo.
A teoria da relatividade comprova isso.

A teoria do gato de Schrödinger ainda é perfeitamente válido. O gato está vivo, morto, vivo/morto, nem uma e tampouco outra…

 

Pode-se até criar casos bastante ridículos. Um gato é empacotado em uma câmara de aço, juntamente com o seguinte dispositivo (que deve ser protegido contra a interferência direta do gato): em um contador Geiger , há um pouquinho de substância radioativa, tão pequena, que talvez no curso da hora em que um dos átomos decai, mas também, com igual probabilidade, talvez nenhum; se isso acontecer, o tubo contador descarrega e através de um relé libera um martelo que quebra um pequeno frasco de ácido cianídrico . Se alguém deixou todo esse sistema para si mesmo por uma hora, dir-se-ia que o gato ainda vive se, enquanto isso, nenhum átomo tiver decaído . A primeira decadência atômica teria envenenado isso. A função psi de todo o sistema expressaria isso tendo nele o gato vivo e morto (perdoem a expressão) misturado ou desmembrado em partes iguais.

É típico desses casos que uma indeterminação originalmente restrita ao domínio atômico se transforme em indeterminação macroscópica, que pode então ser resolvida pela observação direta. Isso nos impede de aceitar tão ingenuamente como válido um “modelo borrado” para representar a realidade. Em si, não incorporaria nada obscuro ou contraditório. Há uma diferença entre uma fotografia instável ou fora de foco e um instantâneo de nuvens e bancos de nevoeiro.
— Schrödinger

 

Momento presente

  • Observe seus pensamentos;
  • Observe a sua respiração;
  • Observe o seu batimento cardíaco/

Observar é um passo que precede o controle. É você tomando posse, por inteiro, do corpo, veículo carnal, que está de empréstimo. Corpos que você, que eu, que nós devolveremos cedo ou tarde, assim que chegar a hora de cada um.

“Na natureza nada se perde e nada se cria, tudo se transforma”
– Lavoisier

#ParePraPensar

Pare, respire, feche os olhos. Assente-se em um local confortável, onde você se sinta bem e tranquilo(a). Mantenha sua coluna ereta, assim melhora a circulação das energias, a circulação sanguínea e sem a pressão do apoio.

Agora: OBSERVE OS PENSAMENTOS!

Rolar para cima