O Cão que carrega um pedaço de carne

Um cão, levando consigo um pedaço de carne, atravessava um rio. A certa altura, percebendo a sua sombra na água, ele pensou tratar-se de um outro cão carregando um pedaço de carne maior.

Por isso, largando o seu próprio bocado, esticou-se para abocanhar o do outro cão.

Ocorreu então que ele ficou sem ambos os pedaços: um deles não foi alcançado porque nem sequer existia, e o outro, porque fora arrastado pela correnteza.

Esta fábula é adequada ao homem cobiçoso.

#ParePraPensar

Pare, respire, feche os olhos. Assente-se em um local confortável, onde você se sinta bem e tranquilo(a). Mantenha sua coluna ereta, assim melhora a circulação das energias, a circulação sanguínea e sem a pressão do apoio.

Agora: OBSERVE OS PENSAMENTOS!

Rolar para cima