Experimento da morte biológica pela Projeção Consciente

O Experimento da morte biológica pela Projeção Consciente (ensaio dessomático projetivo) é o exercício, treino ou experiência da conscin lúcida, homem ou mulher, de vivenciar momentos nos quais se encontra projetada do corpo humano, em outras dimensões, obtendo melhor entendimento e preparando-se para a própria dessoma nesta vida atual.

  1. Experimento projetivo da dessoma.
  2. Ensaio de estar consciex sendo conscin.
  3. Ensaio da morte pela projeção lúcida.
  4. Experimento da dessoma pela projetabilidade.
  5. Aprendizado projetivo da dessoma.
  6. Experimento extrafísico da morte do corpo físico.

Cognatologia. Eis, na ordem alfabética, 10 cognatos derivados do vocábulo ensaio: ensaiada; ensaiado; ensaiador; ensaiamento; ensaiando; ensaiante; ensaiar; ensaísmo; ensaísta.

Confira as minhas experiências de Projeção Consciente. Já descobri mil modos de como não projetar. 😉

Neologia. As 3 expressões compostas ensaio dessomático projetivo, miniensaio dessomático projetivo e maxiensaio dessomático projetivo são neologismos técnicos da Projeciologia.

Antonimologia: 1. Desaprendizagem da dessoma. 2. Sonho sobre dessoma. 3. Ensaio antidessomático. 4. Desfecho dessomático.

Estrangeirismologia: o Paraperceptarium; o upgrade projetivo; o Projectarium; o Ofiexarium; o Despertarium; o Interassistentiarium.

Atributologia: predomínio das percepções extrassensoriais, notadamente do autodiscernimento quanto à projetabilidade lúcida.

Fatuística

Pensenologia: o holopensene pessoal do projetor; os benignopensenes; a benignopensenidade; os lucidopensenes; a lucidopensenidade; os nexopensenes; a nexopensenidade; os ortopensenes; a ortopensenidade; os parapensenes; a parapensenidade; os evoluciopensenes; a evoluciopensenidade; a harmonia entre os holopensenes multidimensionais.

Fatologia: o ensaio dessomático projetivo; a habilidade ao sair do corpo físico ensaiando a próxima dessoma; a aprendizagem projetiva evidenciando a paraprocedência pós-dessoma; o temor da morte; a tanatofobia sendo eliminada após ensaio projetivo; a hiperacuidade da compreensão dessomática; a desmistificação da morte; a higiene consciencial colaborando para o ensaio projetivo dessomático; a cosmovisão sendo adquirida nos ensaios projetivos; a convivialidade fraterna entre conscin e consciex; o entendimento das realidades de fatos e parafatos, nos quais os amparadores atuam a favor do dessomante; a retomada da proéxis com a reeducação pós-ensaio dessomático.

Parafatologia: a autovivência do estado vibracional (EV) profilático; a gratificação in loco da imortalidade; a projeção lúcida autopersuasiva de a dessoma acontecer somente biologicamente; a decolagem transitória do psicossoma ou mentalsoma esclarecendo a dessoma; a importância do mapeamento da sinalética energética parapsíquica pessoal; o ato de o projetor observar o próprio corpo humano, mudar as prioridades existenciais; a soltura holochacral da consciência prisioneira da vida trancada ao iniciar autopesquisa dessomática; o conforto do entendimento multidimensional no ensaio dessomático; a volitação prazerosa eliminando o medo da dessoma; o estado de lucidez maior conquistado no ensaio dessomático projetivo; a abertura dos horizontes de outra vida mais ampla e rica; as visitas da conscin projetada à paraprocedência ampliando a certeza íntima; o ensaio dessomático nos encontros com consciexes afins; a harmonia adquirida pela vivência momentânea de consciex lúcida; o descortino da Conviviologia Universalista; a eliminação gradual de a necessidade da consciex ressomar; as retrocognições extrafísicas enquanto provas definitivas da própria seriéxis; a autoconscientização multidimensional obtida pelo ensaio dessomático.

Imagem ilustrativa sobre Experimento da morte biológica pela Projeção Consciente
Imagem ilustrativa sobre Experimento da morte biológica pela Projeção Consciente

Detalhismo sobre Experimento da morte biológica pela Projeção Consciente

Sinergismologia: o sinergismo ensaio projetivo–aprendiz da dessoma; o sinergismo lucidez intrafísica–lucidez extrafísica; o sinergismo autodisciplina–técnicas projetivas; o sinergismo paracérebro do assistido–paracérebro do amparador extrafísico; o sinergismo ofiex–entendimento dessomático; o sinergismo conscin sensitiva–consciex amparadora; o sinergismo disponibilidade interassistencial–oportunidades evolutivas.

Principiologia: o princípio da descrença estimulando a projetabilidade lúcida; o princípio do megafoco mentalsomático; o princípio das múltiplas dimensões paralelas; o princípio tarístico obtido pela vivência da conscin enquanto consciex; o princípio da autodisciplina evolutiva; o princípio autossuperador do retorno ao equilíbrio pós-projetivo.

Codigologia: os códigos magnos pessoais na área da Projeciologia.

Teoriologia: a teoria da projetabilidade lúcida da conscin; a teoria do corpo objetivo; a teoria do ensaio da morte biológica.

Tecnologia: as técnicas projetivas; a técnica da soltura energossomática; as técnicas energéticas; a técnica da projeciografia; a técnica da análise periódica dos registros; a técnica da projeciocrítica; a técnica da imobilidade física vígil (IFV); a técnica da autorreflexão de 5 horas; a técnica de mais 1 ano de vida.

Voluntariologia: a agenda extrafísica grupal dos voluntários projetores.

Laboratoriologia: o laboratório conscienciológico das técnicas projetivas; o laboratório conscienciológico do estado vibracional; o laboratório conscienciológico da Mentalsomatologia; o laboratório conscienciológico da tenepes; o laboratório conscienciológico da proéxis; o laboratório conscienciológico da autorganização; o laboratório conscienciológico Acoplamentarium; o laboratório conscienciológico da Cosmoeticologia; o laboratório conscienciológico Serenarium.

Colegiologia: o Colégio Invisível dos Projeciólogos; o Colégio Invisível da Parafenomenologia; o Colégio Invisível da Dessomatologia (CID); o Colégio Invisível da Parapercepciologia.

Efeitologia: o efeito renovador da conscin no ensaio dessomado projetivo; o efeito esclarecedor da projeção consciencial lúcida a respeito da dessomática; o efeito harmonizador da volitação no ensaio dessomático; o efeito reeducador do ensaio dessomático projetivo; o efeito da pacificação íntima no entendimento dessomático; os efeitos desafiadores das reciclagens existenciais; os efeitos dos ganhos multidimensionais.

Neossinapsologia: as neosinapses advindas pelo ensaio dessomático projetivo; as neossinapses recicladoras das aprendizagens adquiridas.

Ciclologia: o ciclo coincidência-descoincidência; o entrosamento dos ciclos multidimensionais pessoais das minipeças interassistenciais lúcidas; o ciclo encontros-desencontros-reencontros; o ciclo de produtividade multidimensional por meio dos autorrevezamentos; o ciclo nas parafunções amparadoras.

Enumerologia: o autabertismo; a autopriorização; a autexperimentação; a autorreflexão; a autorrenovação; a autortopensenidade; o autoparapsiquismo.

Interaciologia: a interação dimensão física–dimensão extrafísica; a interação autobilocação-cosmovisão; a interação conscin projetada–consciex promotora do parafenômeno; a interação fatos-parafatos; a interação soma-energossoma-psicossoma-mentalsoma; a interação projetabilidade-assistencialidade; a interação ensaio dessomático projetivo–ação de repensar a dessoma.

Crescendologia: o crescendo soltura energossomática–descoincidência vígil–projeção lúcida; o crescendo hipótese-certeza quanto à sobrevivência da consciência à dessoma; o crescendo monovisão–cosmovisão; o crescendo tenepes-ofiex.

Paradoxologia: o paradoxo de o ensaio dessomático eliminar os personalismos amplificando o universalismo.

Politicologia: a democracia; a projeciocracia; a energocracia; a cosmoeticocracia; a lucidocracia; a meritocracia; a proexocracia; a taristicocracia.

Legislogia: as leis da Projeciologia; as leis da Parafenomenologia; o resultado da lei do maior esforço aplicada à projetabilidade lúcida como alavanca evolutiva.

Filiologia: a projeciofilia; a neofilia; a decidofilia; a energofilia; a paratecnofilia; a evoluciofilia; a enciclopediofilia.

Fobiologia: a parafenomenofobia; a tanatofobia; a parapsicofobia; a autopesquisofobia; a neofobia; a dessomatofobia; a proexofobia.

Sindromologia: o combate à síndrome da dispersão; a síndrome de Swedemborg.

Maniologia: a religiomania; a angelomania.

Mitologia: o mito de terceirizar o destino aos amparadores.

Holotecologia: a projecioteca; a parafenomenoteca; a dessomatoteca; a parapsicoteca; a convivioteca; a interassistencioteca; a comunicoteca; a ciencioteca.

Interdisciplinologia: a Projeciologia; a Parapercepciologia; a Interaciologia; a Dessomatologia; a Extrafisicologia; a Seriexologia; a Autopesquisologia; a Holomaturologia Prática; a Parassociologia; a Eutimiologia.

Perfilologia

Elencologia: a conscin lúcida; o projetor consciente; a isca humana lúcida; o ser desperto; o ser interassistencial; a conscin enciclopedista; a semiconsciex.

Masculinologia: o parapsíquico pesquisador; o pré-serenão; o intermissivista; o conscienciólogo; o exemplarista; o proexista; o reciclante existencial; o inversor existencial; o tenepessista; o ofiexista; o tertuliano; o agente retrocognitor.

Femininologia: a parapsíquica pesquisadora; a pré-serenona; a intermissivista; a consciencióloga; a exemplarista; a proexista; a reciclante existencial; a inversora existencial; a tenepessista; a ofiexista; a tertuliana; a agente retrocognitora.

Hominologia: o Homo sapiens projectius; o Homo sapiens duplex; o Homo sapiens dessomaticus; o Homo sapiens perquisitor; o Homo sapiens autolucidus; o Homo sapiens parapsychicus; o Homo sapiens evolutiens.

Argumentologia

Exemplologia: miniensaio dessomático projetivo = o experimento do fenômeno da autobilocação; maxiensaio dessomático projetivo = o experimento do fenômeno da projeção de consciência contínua.

Culturologia: a cultura da Projeciologia; a Multiculturologia Parapsíquica Cosmoética.

Acabativa sobre Experimento da morte biológica pela Projeção Consciente

Remissiologia. Pelos critérios da Mentalsomatologia, eis, por exemplo, na ordem alfabética, 15 verbetes da Enciclopédia da Conscienciologia, e respectivas especialidades e temas centrais, evidenciando relação estreita com o ensaio dessomático projetivo, indicados para a expansão das abordagens detalhistas, mais exaustivas, dos pesquisadores, mulheres e homens interessados:

  1. Abertismo consciencial;
  2. Abordagem extrafísica;
  3. Alternância interdimensional;
  4. Autoconscientização multidimensional;
  5. Autopesquisologia;
  6. Co-desaparecimento dessomático;
  7. Condição conscienciológica;
  8. Conexão interdimensional;
  9. Dessomática;
  10. Eutimia;
  11. Harmonia existencial;
  12. Multidimensionalidade consciencial;
  13. Projeção do adeus ressomática;
  14. Solução parapsíquica;
  15. Verdade prioritária.

Ao intermissivista importa a hiperacuidade multidimensional nas autexperimentações informativas vivenciando o Experimento da morte biológica pela Projeção Consciente (ensaio dessomático projetivo) e preparando, com harmonia, a dessoma atual.

Você  como encara experimento da morte biológica pela Projeção Consciente? 

Já refletiu sobre essa vivência para a amenizar o choque da próxima dessoma?

Referências

Video sobre o Experimento da morte biológica pela Projeção Consciente

#parePraPensar com a gente

Clique aqui – Fale conosco

#ParePraPensar

Pare, respire, feche os olhos. Assente-se em um local confortável, onde você se sinta bem e tranquilo(a). Mantenha sua coluna ereta, assim melhora a circulação das energias, a circulação sanguínea e sem a pressão do apoio.

Agora: OBSERVE OS PENSAMENTOS!

Rolar para cima