O Atum e o Golfinho

m Atum que estava sendo perseguido por um Golfinho, e que fugia com grande tumulto, estava prestes a ser agarrado quando, involuntariamente, foi lançado sobre a margem pela violência dos seus movimentos. Levado por impulsos idênticos, também o Golfinho foi arremessado nesse mesmo lugar. Então o Atum, voltando-se e vendo o Golfinho desfalecer, exclamou: — “Assim eu nem fico triste por morrer, pois estou vendo o responsável pela minha morte morrer juntamente comigo.”

Esta fábula mostra que as pessoas suportam facilmente suas desgraças, quando vêem os culpados por elas tornarem-se também desgraçados.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
você também pode gostar
EM breve novo Livro

EV

mais popular

#ParePraPensar

Fique por dentro de novas ferramentas para desenvolvimento pessoal, EV e projeção